quarta-feira, outubro 28, 2009

FM069 - Um Copo, Mais Um Copo (Fernando Maurício)

Um Copo, Mais Um Copo

Desde que tu partiste,
Perdi a felicidade
E p'ra que ninguém veja,
Sinais do meu tormento

Sózinho vou matando,
Toda a minha saudade
Entre as quatro paredes,
Do nosso apartamento


Um copo, mais um copo
Um cinzeiro já cheio
De pontas de cigarro
Uma velha moldura
Lembrando a tua imagem
E a dor a que me agarro

Um copo, mais um copo
Uma canção de amor
E fumaças sem fim
É tudo o que me resta,
É tudo que ficou
De ti... de nós... de mim


Errante p'la cidade,
Alheio á multidão
Fugindo dos amigos
Vou caminhando a esmo

Os dias são iguais,
As horas iguais são
E quando a noite chega,
O fim, é sempre o mesmo


Fernando Farinha

1 Comments:

Blogger jaume said...

Muito obrigado por voltar.
Saudações fadistas desde Barcelona
jaume

22:57  

Publicar um comentário

<< Home