sexta-feira, Novembro 03, 2006

FM042 - Aquela Boca (Fernando Maurício)

Aquela Boca


Conheço como os meus dedos
Os traços daquela boca
Que me beijou tanta vez

Ouvi-lhe tantos segredos
E tanta palavra louca
Em tanta jura que fez


É tão meiga apetitosa
Tão formosa, sedutora
Cheia de perfume e cor

É a boca mais mimosa
Mas a mais enganadora
A trocar beijos d’amor

Não há boca mais travessa
Provocante, sorridente
E atraente não há

Como eu quem a conheça
Sabe que essa boca mente
Em cada beijo que dá


Encantadora sensível
Quando não beija revela
A forma dum coração

Até parece impossível
Que uma boca como aquela
Não saiba dizer perdão

Fado Sonhos (Moita Girão – Frederico de Brito)

2 Comments:

Blogger Fado portugues said...

Parabens pelo blog... está interessante, pois algumas letras de fados que eu desconhecia ate agora... passaram de alguma forma para a minha cultura de fado.... tal como o sr eu tb sou amante do fado.... e por isso, sem querer por defeitos no blog vejo-me obrigado a apontar alguns erros que até agora tive possibilidade de detectar:
1. a música da "lucinda camareira" é a do fado bailarico (muito identico ao dois tons) e nao no mouraria;
2. a casa da mariquinhas (leilao) também nao é no mouraria mas sim no corrido;
3. o fado morenhinha da travessa é musica do fado vadio (castiço).
Muito obrigado pela atençao e continuaçao do bom trabalho... o fado merece.

17:41  
Anonymous Anónimo said...

gostava que indentifica-sse fado passos na rua

13:38  

Enviar um comentário

<< Home